Menu
Busca quinta, 14 de novembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
34ºmax
24ºmin
Casos Insanos
Assembleia Legislativa - Emendas para saúde
ASSASSINATO

Homem mata namorada e dorme duas noites ao lado do corpo

01 março 2011 - 16h21
Texto escrito por: Stoff Vieira
Edição: Dágila Sabóia

Uma aposentada foi brutalmente assassinada na última sexta-feira, 25, mais o corpo só foi encontrado nesta egunda-feira, 28, pela polícia, na cidade de Goiânia estado de Goiás. A vítima, Maria Vanilda Rodrigues, 67 anos, foi estrangulada com um fio de um aparelho de telefone pelo namorado, Francisco Aurélio da Silva, 34 anos, que era 33 anos mais jovem que a companheira.

Segundo informações de pessoas próximas do casal, os dois vinham mantendo um relacionamento com excesso de brigas e discussões há alguns meses.

O autor do crime foi detido e admitiu que matou a namorada. Francisco afirmou ainda que não amava e nem era apaixonado pela companheira e que estava com ela, por gratidão, mantendo relações sexuais com a vítima com o objetivo de garantir a moradia. O assassino também assume ser viciado em crack e o que certamente teria motivado a execução seria o uso de drogas e bebidas.

Segundo informações da Polícia Civil, Maria Vanilda que era mãe de um casal de filhos já adultos, vendeu a própria casa e entregou o dinheiro ao namorado.

Mesmo após cometer o crime, Francisco continuou morando e dormindo na residência em que moravam. Segundo as palavras do acusado, ele dormiu duas noites ao lado do corpo e só não dormiu de domingo para segunda no local, por que o mau cheiro o estava incomodando.

Na sexta- feira, 25, Renato, filho da vítima, procurou a mãe, mais o companheiro da aposentada afirmou que Vanilda estava viajando e impediu o jovem de entrar na residência.

No sábado, o autor do crime passou a manhã bebendo cerveja com amigos no meio fio em frente à casa onde morava com Maria Vanilda. Ainda de acordo com o depoimento do acusado, ele queimou panos dentro da casa para disfarçar o odor do corpo que estava em decomposição. No entanto, uma vizinha que estava incomodada com o mau cheiro, a princípio pensou que se tratava de algum animal morto, mas desconfiada, resolveu chamar a polícia que foi até o local e constatou que havia um corpo em decomposição no interior da casa, logo em seguida a polícia conseguiu capturar o acusado que foi detido imediatamente.

AO VIVO