Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(63) 99292-6165
Araguaína
32ºmax
23ºmin
COLINAS

Acidente fatal mata três pessoas em Colinas

13 junho 2011 - 10h38

Dágila Sabóia
Da Redação



Por volta das 18h30 da última sexta-feira, 10, um trágico acidente envolvendo um Corsa, cor prata metálico, Placa MWY 3082 Araguatins (TO) e um Ford F 250, cor prata, placa MVZ 5160 (GO), vitimou fatalmente três pessoas da mesma família.

Vítimas
Ao todo, haviam cinco pessoas no interior do veículo corsa que era conduzido pelo vice-presidente da Igreja Assembléia de Deus Madureira de Colinas, pastor José Carlos do Carmo, 41 anos que juntamente com sua esposa, Leide Mariza do Carmo, vieram a óbto no local do acidente. A filha caçula do casal, Lana Mariza do Carmo, 14 anos, apesar de ser encontrada ainda com vida no local, não resistiu aos ferimentos e faleceu no hospital de Colinas.

Felizmente a filha mais velha do pastor, Luana Mariza do Carmo, 16 anos e Joanir de Oliveira da Silva, 31 anos, filho do escritor e pastor João Gomes da Silva, que também estavam no Corsa sobreviveram.

O acidente
O acidente aconteceu a cerca de 20 km da cidade de Colinas, na Transcolinas sentido Bernardo Sayão quando as vítimas seguiam para a fazenda do pastor José Carlos, localizada em Couto Magalhães.

Por telefone, a Redação do Portal O Norte conversou com a mãe de Joanir da Silva, dona Ana Gomes. Segundo ela o filho que foi encaminhado para o Hospital Regional de Araguaína deve receber alta ainda hoje. Quando recobrou a memória, Joanir explicou como aconteceu o acidente. De acordo com ele, a caminhonete F 250 vinha em alta velocidade e foi desviar de um buraco e invadindo a pista contrária, atingiu o veículo dirigido pelo pastor que não conseguiu se livrar do acidente.

Ainda segundo informações de dona Ana Gomes, o socorro demorou cerca de uma hora, já que o motorista que provocou o acidente, fugiu do local sem prestar ajuda às vítimas.

De acordo com o delegado titular da Delegacia de Plantão de Colinas, delegado Jéter Aires Rodrigues, o condutor do Ford F 250, Adelubes Freire da Silva, 52 anos, que fugiu do local, se apresentou à Polícia Civil às 09 horas da manhã do sábado, 11, acompanhado de seu advogado.

Delegado Jéter Rodrigues, por telefone informou à nossa Redação que será instaurado um inquérito com base na perícia feita no local para esclarecer as causas do acidente e o possível culpado poderá ser condenado por homicídio culposo e lesão corporal culposa, ou seja, sem intenção de matar.

Luto Oficial
O prefeito de Colinas, José Santana, informou através da assessoria de imprensa da prefeitura, que em razão da morte da família foi decretado luto oficial por três dias.
 

AO VIVO