Menu
Busca domingo, 15 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
37ºmax
23ºmin
ToledoFibra
PRESO ESPANHA

Militar que transportava drogas em avião da Presidência viveu em Xambioá

27 junho 2019 - 10h48

O segundo sargento da Aeronáutica que foi preso na Espanha por tráfico internacional de drogas, morou alguns anos no Tocantins, onde sua família reside. 

Manoel Silva Rodrigues (38 anos), viveu em Xambioá no Norte do Estado onde estudou todo o Ensino Médio. A informação foi levantada pelo CT junto a moradores do município.

O site não conseguiu confirmar se o militar é tocantinense mas moradores afirmaram que ele visitava a família com frequência na cidade. 
 
Tráfico internacional

Lotado no Comando da Aeronáutica e com remuneração de R$ 7.298,10, Manoel Silva Rodrigues fazia parte da comitiva brasileira que seguia para a reunião do G-20, no Japão. O segundo-sargento estava no avião reserva da presidência e foi barrado pela pelo controle alfandegário na escala na Europa. Em sua bagagem foi encontrado 39 quilos de cocaína em 37 pacotes. O militar está preso na Espanha e sem direito a fiança.
 

Ao Vivo