Menu
Busca sexta, 20 de setembro de 2019
(63) 99292-6165
Araguaína
36ºmax
23ºmin
ToledoFibra
ARAGUAÍNA

Suspeito de participar de latrocínio é executado a tiros horas depois do crime

02 agosto 2019 - 13h57

Um jovem foi executado a tiros no quintal de casa no final da manhã desta sexta-feira (02), em Araguaína, Norte do Estado. Ele era suspeito de envolvimento em um latrocínio que aconteceu na manhã de hoje no setor Urbano.

O primeiro nome do suspeito assassinado é Antônio. Ele foi morto logo depois da prisão do comparsa, identificado apenas como Robson, que foi encontrado na região da Feirinha onde ele também abandonou a motocileta roubada de Januário Barbosa da Silva (38 anos) que morreu depois de reagir ao assalto quando foi atingido por quatro tiros. A arma do crime não foi encontrada.

Antônio, conhecido pelo apelido de “Macabra”, estava sentado no quintal de casa quando segundo testemunhas relataram à Polícia Militar, foi surpreendido por homens armados e encapuzados que chegaram à pé no local e efetuaram disparos contra ele.

Segundo familiares do rapaz morto, ele chegou em casa com uma perfuração em um dos braços mãs não contou o que havia acontecido. Segundo a PM, ele realmente participou do crime.

O comparsa, Robson, também indicou à polícia o lugar onde havia deixado Antônio no setor Xixebal, quando os policiais chegaram os executores já haviam fugido.

A perícia esteve no local e após os procedimentos o corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), para os procedimentos cabíveis. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil. 


 

Ao Vivo