JBS Coronavírus
Menu
Busca quinta, 02 de julho de 2020
(63) 99958-5851
Araguaína
35ºmax
20ºmin
COLUNA

Vitrine Cultural

por Vitrine Cultural
ARAGUAÍNA

Evento discute, dentre outras propostas, trazer Salão do Livro

21 junho 2011 - 17h20

Daniel Lélis/Dágila Sabóia
Da Redação

 

Foi realizado nesta terça, dia 21, no auditório da FIETO (Federação das Indústrias do Estado do Tocantins), em Araguaína, a segunda etapa do Fórum Estadual da Cultura - Um novo olhar sobre a diversidade cultural do estado. O evento é fruto da parceria entre as Secretarias de Cultura do Estado e do Município e pretende alcançar todas as regiões do Tocantins.

A abertura do Fórum na cidade foi marcada por apresentações artísticas, pela fala da Secretária da Cultura do Estado e Presidente da Fundação Cultural, Kátia Rocha. Além disso, aconteceu palestra sobre os Sistemas Estadual e Nacional de Cultura e exposições dos participantes. Durante a tarde, foram montados grupos de trabalhos temáticos, com a apresentação das propostas que devem fazer parte dos editais do Fundo Estadual de Cultura.

 Em entrevista exclusiva ao Portal O Norte, a Secretária Kátia Rocha falou da importância do evento: “A realização do Fórum é de fundamental importância, tendo em vista que ele oferece um olhar sobre a diversidade cultural do Estado, de maneira que a partir dele será possível elaborar os editais de cultura contemplando de forma geral e democrática toda a classe artística do Tocantins”.

Para Marly de Carvalho, Secretária Municipal da Cultura, a realização do Fórum é uma oportunidade para a classe artística do Município falar das suas necessidades. “O Fórum Estadual da Cultura dá a chance de as pessoas que trabalham com a cultura falar dos seus anseios, das suas necessidades. É a oportunidade de reunir propostas e estudá-las, para que assim possam tornar-se políticas públicas”, explicou ela.

Feira do Livro em Araguaína
Dentre outros assuntos que foram tratados durante o Fórum, estava a possibilidade de realizar em Araguaína a famosa Feira do Livro. Edson Carvalho Alencar (Edson Gallo), atual presidente da Acalanto (Academia de Letras de Araguaína), afirmou que a proposta tem ganhado força e que o Governo já fala em descentralizar o evento. “Aqui no Fórum serão debatidos projetos como esse de trazer a Feira do Livro para Araguaína. Ao que tudo indica, o próprio Governo do Estado já estuda descentralizar a Feira, levando-a para Araguaína e Gurupi”.

Para Marly de Carvalho, a ideia é boa, mas dificilmente o evento teria em Araguaína o mesmo tamanho do da capital. “A proposta de trazer o Salão do Livro para Araguaína é muito boa, mas depende dos segmentos envolvidos. Talvez por conta dos custos, contudo, imagino que ela deva ser realizada na cidade em proporções menores”, comentou.

Segundo Kátia Rocha, não há problema algum em trazer o Salão do Livro para Araguaína. Entretanto, de acordo com ela, é necessário ouvir Danilo Melo, Secretário Estadual da Educação, tendo em vista que o evento é realizado em conjunto pelas duas secretarias, Seduc e Cultura.

Programação

O Fórum Estadual de Cultura é sistemático e itinerante, sendo que a sua primeira etapa foi realizada na cidade de Gurupi, no sul do Estado. Dia 14, é a vez de Dianópolis receber o evento. Nos dias 28 e 29, por sua vez, o Fórum acontece na capital. (Crédito da foto: Daniel Souza/Portal O Norte)

AO VIVO